Primeiras Impressões: Real Girl (3D Kanojo)

Esse era um dos animes que eu mais esperava, e superou as minhas expectativas. Real girl é um mangá que eu acompanho a um bom tempo, e quando fiquei sabendo que viraria anime me empolguei muito, até saber que o estúdio encarregado da adaptação era focado em ecchis e hentais e pior, o diretor não tinha participado de nenhum anime que eu gosto (fora Gintama, mas ele só participou de poucos episódios). Para a minha surpresa, me deparei com um primeiro episódio muito bem construído e com o foco na história real da obra e não em fanservice o que a premissa da série poderia levar a acontecer.

Sobre a animação em si, ela segue um padrão que a maioria dos shoujos seguem, mas isso não é um ponto ruim e permite que possam investir mais no enredo e nos personagens. Aliás. esse é um dos pontos fortes de 3D Kanojo, sua história é muito boa e se eles seguirem o modelo de adaptação dos dois primeiros episódios, certamente esse será um dos melhores animes do ano.

Sinopse: O anime conta a história de Hikari Tsutsui, um colegial que está satisfeito com as garotas virtuais que encontra em animes e jogos. Ele não tem muitos amigos e vive em seu próprio mundo. Um dia, quando está preso ao compromisso de limpar a piscina da escola, ele é abordado por Iroha, uma “garota de verdade” que é popular com garotos.

Imagens do episódio: