Review: Mahoutsukai no Yome – Um dos animes mais belos que vi recentemente

 

Uma excelente obra que te emociona pela beleza de produção e construção de personagens. isso aliado a um mix de fantasia e realidade que vão te tirar o folego. Desde que Mahou Tsukai foi anunciado oficialmente em meados de 2017, um “rebuliço” se formava por parte dos leitores do mangá – Esses que já sabiam da excelente qualidade da história e do universo da obra – que estavam ansiosos para ver essa adaptação. Nesse artigo vou comentar alguns tópicos que eu achei importante para essa análise: Aspectos técnicos, construção de personagens, evolução da história e o desfecho do anime, fechando com a minha experiência com a obra. 

Aspectos técnicos: Nota: 10/10

Essa obra é quase que perfeita quando se trata de aspectos técnicos, foi impressionante ver como o Wit Studios trabalhou muito mais muito bem mesmo em todos os pontos técnicos.

  • Animação: Na atualidade o Wit Studios é uma das melhores produtoras de animes que se tem no mercado. E além disso é uma das que mais investe em qualidade de animação, e isso foi mostrado com maestria em em Mahou tsukai no Yome. Veja as imagens abaixo e comprove você mesmo. Fora a clássica animação também temos excelente uso de efeitos especiais nessa obra, principalmente quando se tem magia envolvida na cena. Eu fiquei realmente espantando com o trabalho em cada detalhe dessa obra no quesito animação. O estúdio e toda a equipe desse anime estão de parabéns.

©Crunchyroll  ©WitStudios 

  • Trilha sonora: Outro ponto forte desse anime  é a sua excelente trilha sonora, e isso vai muito além das aberturas e finalizações do anime. Várias cenas são fortemente marcadas em nossas memorias por conta da trilha sonora de uma determinada cena, e com certeza muitas pessoas, assim como eu, vão buscar escutar a linda OST desse anime.
  • Dublagem (Japonesa): Olha, tem obras que eu já dropei por conta da voz do protagonista ou de algum personagem importante ser extremamente irritante ou inapropriada – Exemplo recente foi o próprio Black Clover, e olha que sou fã de shounen.  A seiyu Atsumi Tanezaki (Chise) – que passava todo o sofrimento da Chise em sua voz e com o passar da obra evoluindo junto de sua personagem – junto com o Seiyu Ryouta Takeuchi (Elias) – Que Passava todo aquele ar de maestria e maturidade, ao mesmo tempo que quando necessário era um personagem que demonstrava um descontrole emocional e ate mesmo imaturidade-  que fizeram um trabalho excelente em seus personagens, agrandando muito a minha pessoa.
  • Roteiro/fidelidade a obra original: Eu não li o mangá de Mahou Tsukai no Yome para não estragar a minha surpresa em cada episódio, todavia pessoas da equipe da dicas de animes que são fãs incondicionais do mangá, me ajudaram nesse tópico. O anime foi praticamente 100% fiel ao que o mangá passava, poucas cenas foram modificadas para caber melhor no formato de anime.  Tais mudanças não foram nada que fosse mudar o sentido e afetar negativamente a obra. Então, tanto o roteiro quanto a fidelidade ao mangá são excelentes pontos positivos nessa obra.

Construção de personagens: 8/10 

A construção dos personagens de Mahou Tsukai no Yome é um dos seus pontos mais fortes da sua obra, uma vez que se comparar o primeiro episódio e o último, temos uma evolução de personagens absurda!
Para começar  vamos falar da Chise. Eu no início tinha meio que uma indignação da super-aceitação dela para com tudo o que era imposto para sua pessoa – Sim. eu sabia de todo o passado da Chise, seus traumas de infância e etc, mas de certo modo, para mim estava muito forte essa submissão e chegou a me incomodar. Mas com o passar do tempo,e ao apoio de Elias e os demais personagens, a Chise teve uma evolução muito grande como personagem e pessoa, começando a entender mais seus sentimentos e se livrando das correntes que a prendiam ao passado.

Partindo para o Elias, que no início era um ser puramente racional e sem emoções, aos poucos começou a entender e a viver os sentimentos que ele nunca compreendeu, isso graças a Chise. Dentro da obra, eles meio que fazem uma troca de conhecimentos onde ele o professor de magia dela, enquanto ela é sua professora de humanos. Com o tempo vamos descobrindo junto com Chise, a verdadeira forma, personalidade e conflitos internos do Elias e isso foi muito bem trabalhado ao meu ver.

O desenvolvimento e aprofundamento desses dois personagens são essenciais para o próximo tópico que é a Evolução da história.

Evolução da história: 8/10

Como eu comecei a falar no desenvolvimento de personagens, a evolução da história está diretamente ligada à de seus personagens. Em Mahou Tsukai no Yome se tem diversos personagens, raças e histórias de fundo e cada um deles tem a sua importância para o crescimento da Chise e da história. O anime pode ser divido em duas grandes partes, a primeira parte é dos episódios 1 ao 12, onde acompanhamos à chegada da Chise à residência do Elias e a apresentação de todo um novo universo do anime e de seus personagens, dando um leve resumo onde começamos a conhecer os personagens. A segunda parte começa no episódio 13 é onde começamos a aprofundar de verdade dentro da vidas e dramas dos nossos protagonistas.

Desfecho do anime/minha opinião: NOTA FINAL: 8,5/10 

Então o anime finalizou de maneira muito bonita e emocionante. Foi muito bom acompanhar toda a saga de nossos protagonistas, que terminou com um até logo, já que uma nova saga do mangá foi anunciada e acho muito provável ter uma nova temporada do anime caso ela seja bem recebida. Como eu disse nos pontos acima, essa é uma obra para todos os fãs de boas histórias e com uma qualidade técnica de produção impressionante.  Uma excelente recomendação de nós da Dicas de animes.